terça-feira, 15 de abril de 2008

VALORES

. terça-feira, 15 de abril de 2008
1 comentários

OBJETIVOS: Reconhecer seus próprios valores e os valores dos outros.
Partilha.

MATERIAL: Cartões onde devem estar escritos valores, os mais diversos
possíveis.

PROCEDIMENTOS: Cada participante recebe um cartão com um determinado
valor (de preferência, um valor que ele possa ter); por exemplo: otimismo,
alegria, esperança, solidariedade, justiça, gratuidade, partilha,
sinceridade, honestidade, etc..

Alguns instantes de reflexão pessoal.

Cada participante vai dizer então se possui ou não este valor
apresentado pelo cartão, justificando-se.

Ao final da dinâmica, é bom que cada um compartilhe como se sentiu
no correr da dinâmica, com como os valores que descobriu em si e nos outros
companheiros.

CONHECIMENTO PESSOAL: A COR DO SENTIMENTO

.
1 comentários

OBJETIVOS: Identificar os próprios sentimentos e expressá-los,
partilhando-os com o grupo.

MATERIAL: Guardanapos ou tiras de papel crepom de cores variadas.

PROCEDIMENTOS: Durante os primeiros cinco minutos o animador solicita às
pessoas participantes que se concentrem, fechando os olhos, procurando uma interiorização
e uma conscientização acerca dos próprios sentimentos no
momento.

Decorridos os cinco minutos, e abrindo os olhos, o animador pede que cada pessoa,
em silêncio, escolha um guardanapo, relacionado a cor dele com os sentimentos
do momento.

Prosseguindo, formam-se subgrupos obedecendo às cores do guardanapo,
resultando daí grupos numericamente variados.

Cada membro desses grupos irá explicar para o seu grupo o relacionamento
encontrado entre a escolha da cor do guardanapo e os seus sentimentos do momento,
levando para este exercício de 15 a 20 minutos.

Terminada esta etapa do exercício, todos se despedem uns dos outros,
e o animador solicita que todos procurem expressar seus sentimentos do momento,
através de uma forma dada ao guardanapo. O importante não é
tanto se a forma dada ao guardanapo seja muito exata, mas o que esta forma representa.

A seguir formam-se novos subgrupos, ajuntando os membros pela semelhança
das formas dadas ao guardanapo, e durante alguns minutos cada irá expor
ao grupo o significado do formato dado.

Desfeitos os subgrupos, seguem-se, em plenário, os comentários
acerca da vivência deste exercício.

AS FOTOGRAFIAS

.
1 comentários

OBJETIVOS: Ampliar o conhecimento de si e interpessoal. Promover a participação
de todos com maior espontaneidade.

MATERIAL: Fotografias que sejam realistas, não sejam personagens conhecidos,
sejam grandes, todas em preto e branco ou todas coloridas.

PROCEDIMENTOS: Espalhar as fotografias no chão e convidar as pessoas
a circular em volta das figuras fazendo com que cada uma se fixe numa delas,
a qual tenha com que se identifique.

Definida a fotografia, cada pessoa pega sua foto e volta ao seu lugar de origem.

Depois cada participante falará sobre sua escolha espontaneamente, sobre
como a fotografia se identifica com ele.

Finalmente, avaliar como cada um se sentiu e o que descobriu de novo com a dinâmica
conversando um pouco mais sobre o que foi vivenciado:

Houve alguma revelação que surpreendeu alguém (ou que foi
dito pela pessoa que se apresentou)?

O que você sentiu no momento de escolher sua gravura?

Gostaria de ter escolhido alguma que outra pessoa pegou?

 
Namablogkamu is proudly powered by Blogger.com | Template by o-om.com